quarta-feira, maio 10, 2017

O imperdoável


O poeta Roque Dalton era sacaneador e respondão. Jamais aprendeu a se calar nem a
obedecer e exercia um desafiante senso de humor e de amor.

Na noite de hoje do ano de 1975 seus companheiros da guerrilha de El Salvador o mataram
com um tiro enquanto ele dormia.
Criminosos: os militantes que matam para castigar a divergência são tão criminosos quanto

os militares que matam para perpetuar a injustiça


(Eduardo Galeano em "O Filho dos Dias")

Nenhum comentário :