sábado, maio 06, 2017

Cantando, amaldiçoo

Em 1932, Noel Rosa gravou o samba Quem dá mais?, abreviada história de um país que tinha sido posto em leilão: Quanto é que vai ganhar o leiloeiro que é também brasileiro
e em três lotes vendeu o Brasil inteiro?
E pouco depois Enrique Santos Discépolo retratou, em seu tango Cambalache, o tempo da infâmia na Argentina: Hoje acaba que dá no mesmo ser direito ou traidor, ignorante, sábio, ladrão, generoso, enganador. Dá-lhe que dá-lhe, dá-lhe que vai...



(Eduardo Galeano em "O Filho dos Dias")


Nenhum comentário :