sexta-feira, fevereiro 03, 2017

Iemanjá

Hoje, o litoral das Américas rende homenagem a Iemanjá.
Esta noite, a deusa mãe dos peixes, que há séculos veio da
África nos barcos dos escravos, se ergue na espuma e abre os
braços. O mar leva para ela pentes, escovas de cabelo, perfumes, doces, boa comida e outras oferendas dos marinheiros que por ela morrem de amor e de medo.
Parentes e amigos de Iemanjá costumam aparecer na festa,
vindos do Olimpo africano: Xangô, seu filho, que desata as chuvas do céu,

 Oxumaré, o arco-íris, guardião do fogo,
Ogum, ferreiro e guerreiro, valentão e mulherengo,
Oxum, a amante que dorme nos rios e jamais apaga o que
escreve, e Exu, que é Satanás dos infernos e também é Jesus de
Nazaré.

 (Eduardo Galeano - Os Filhos dos Dias)
Casa de Yemanjá - Rio Vermelho - Salvador BA

Nenhum comentário :