sexta-feira, outubro 14, 2016

Nancy Kerlin Barnett


Em 1901, os planejadores da pequena cidade de Amity, Indiana, EUA, decidiram que uma estrada seria necessária passar precisamente onde havia um cemitério antigo. E nele estava o corpo de Nancy Kerlin Barnett, morta aos 39 anos e enterrada ali em 1 de Dezembro de 1831.
O neto dela, Daniel Doty, não aceitou. Arranjou uma espingarda e sentou-se sobre o túmulo de sua avó, não deixando o pessoal da prefeitura se aproximar.
Venceu. Mudaram todas as outras sepulturas mas a de Nancy, não.

Em 1912, foi adicionado um marco histórico, juntamente com uma laje de concreto colocado sobre a sepultura para proteger Nancy. Até hoje, quem por ali passa de carro, diz que vê Daniel Doty sentado na estrada, guardando o túmulo com uma espingarda. Respeitem a avó.


Nenhum comentário :