quarta-feira, outubro 28, 2015

Ecos de Enigma do Mal (1981)


Sinopse: Los Angeles, 1976. Uma entidade invisível estupra várias vezes a indefesa Carla Moran (Barbara Hershey), mas ninguém crê em suas histórias. Ao ser submetida a testes conduzidos por especialistas em fenômenos paranormais e psicólogos, comandados pelo pesquisador Phil Sneiderman (Ron Silver), fica claro que o que diz não é produto de uma mente doentia..
Fonte : Cine Tortura

' Carla Moran, uma linda mulher, de seus trinta e poucos anos, independente, assediada sexualmente pelo pai quando pequena, mãe solteira de três filhos (um adolescente de 16 anos e duas meninas de no máximo oito anos). O filho é do primeiro relacionamento de Carla, quando ainda era uma adolescente que acreditava no primeiro amor e na frase “Por amor eu faço tudo”. O cara teve um fim muito trágico. As meninas são de outro relacionamento de Carla, um homem que deu uma direção em sua vida, fazendo com que fixasse os pés no mundo da realidade, mas, do nada, fugiu sem deixar rastros, deixando nossa “mulher maravilha” mais uma vez com uma grande responsabilidade: sobreviver nesse mundo com três filhos. Trabalhadora, faz um curso de datilografia à noite, tem grandes dificuldades financeiras (trata-se de uma mulher pobre). Sua beleza está um pouco maltratada, escondida numa vida de muito esforço...mesmo assim, ainda consegue dar um beijo nas crianças antes de colocá-las para dormir. Tem de resolver, ainda, os problemas de comportamento do filho mais velho na escola. A noite alimenta sua vaidade, passando creme nas pernas e penteando os cabelos.
Carla é interpretada pela maravilhosa e magnífica Bárbara Hershey (conhecidíssima pelo seu trabalho nos sucessos Amigas para Sempre, de 1988, ao lado de Bette Midler; Um dia de Fúria, de 1993, com Michael Douglas; e, em Hannah e suas Irmãs, de 1986, filme de Woody Allen vencedor de 03 Oscars). Suas atuações já levaram Globo de Ouro, Emmy, Avoriaz pelo O Enigma do Mal; além de Cannes, Chicago Film Critics, uma indicação ao Oscar por Retrato de uma Senhora, em 1996, e várias outras e inúmeras indicações, ou seja, trata-se de uma mulher e tanto. Uma atriz capaz de tudo...'
Fonte: Boca do Inferno

Nenhum comentário :