domingo, janeiro 24, 2016

João Só



25/09/2005 21:42

Marcelo Bulgarelli

Ele gravou dezenas de discos e muitos compactos. Mas ficou famoso por uma só música. Seu único sucesso, ?Menina da Ladeira?, é uma constante nos flash-backs daqueles que passaram a década de 70 com um violão ao redor da fogueira.
Mas quem foi e que fim levou João Só? Sua biografia completa é um tanto difícil de encontrar. O nome dele não consta da Enciclopédia Folha de Música Popular, mas está no Dicionário Cravo Albin, na internet. João Evangelista de Melo Fortes nasceu em 1943 em Teresina (PI). Era filho caçula de uma família que já contava com 11 irmãos.
Aprendeu a tocar violão e cavaquinho como autodidata, já em Salvador. Participou, ainda na infância, de programas de rádio e passou a trabalhar como profissional aos 15 anos. Foi um artista da noite de Salvador, tocando violino, bongô e contrabaixo.
Mas foi no final da década de 60 que João Evangelista teve sua grande oportunidade na TV Aratu. Em determinado momento de um programa - segundo dados obtidos pelo Jornal do Brasil - o produtor David Raw perguntou qual era o seu nome e ele respondeu: ?É João, só.? E o nome ficou.
O cantor Miltinho o levou para a gravadora Odeon. João Evangelista já respondia pelo nome de ?João Só? quando gravou ?Menina da ladeira?. Foi um sucesso estrondoso. Shows, televisão, rádio. Só tocava João Só.
O compositor ainda gravou, em 1972, um disco na Argentina, ao lado de Paulo Diniz (autor do mega-sucesso ?Eu Quero Voltar pra Bahia?). Mas o sucesso de ?Menina da Ladeira? não refletiu nos discos posteriores.
Passou, então, a se dedicar a shows em São Paulo até regressar para Salvador. Um infarto em 20 de junho de 1992 tirou a vida de João Só. Morreu ao lado da família.

Menina da Ladeira
Bm7 E7 A
Menina que mora na ladeira
Bm7 E7 A
E desce a ladeira sem parar
Bm7 E7 A
Debaixo do pé da laranjeira
Bm7 E7 A
Se senta pra poder descansar (BIS)
F E
Silêncio profundo a menina dormiu
F E
Alguém que esperava tão logo partiu, partiu
Gm D
Partiu para sempre para o infinito
Dm E
Um grito ouviu
Bm7 E7 A
Chorando levanta a menina
Bm7 E7 A
Correndo ligeiro sem parar
Bm7 E7 A
Debaixo do pé da laranjeira
Bm7 E7 A
Há sempre alguém a esperar
F E
Violeiro tocando, estrela a brilhar
F
Violeiro em prece
E
Em prece ao luar, luar
Gm D
Tal noite vazia espere a menina
Dm E
Tão linda não, não vá
Bm7 E7 A
Chorando levanta a menina
Bm7 E7 A
Correndo ligeiro sem parar
{Assa, passa passa}
Bm7 E7 A
Debaixo do pé da laranjeira
Bm7 E7 A
Há sempre alguém a esperar
Bm7 E7 A
Debaixo do pé da laranjeira
Bm7 E7 A

Nenhum comentário :