domingo, junho 25, 2017

A Lua

A Lua
O poeta chinês Li Po morreu no ano de 762, numa noite como esta.
Morreu afogado.
Caiu da barca quando resolveu abraçar a Lua, refletida nas águas do rio Yangtzê.
Li Po já tinha procurado a Lua em outras noites:
Bebo sozinho.
Nenhum amigo está por perto.
Alço minha taça,
convido a Lua
e minha sombra.
Agora somos três.
Mas a Lua não sabe beber
e minha sombra só sabe me imitar.

Os filhos dos dias- Eduardo Galeano

Full Moon Sea - photo by Stephen Rutherford-Bate

Nenhum comentário :