terça-feira, março 31, 2015

Entrado em abril com os amigos..


"O canto gentil
De quem bem te viu
Num pranto desolador
Não chora, me ouviu
Que as cores de abril
Não querem saber de dor"


 As Cores de Abril - composição de Toquinho e Vinícius de Moraes


Abril 1984

Familia Bulgarelli em Petrópolis, abril de 1984. Casa do bairro Mosela. 

Chuck Bass.

“Pessoas certas não existem. Somos todos errados procurando alguém que aceite nossas imperfeições.”

O que é amor?

 “Amor é quando seu cachorro lambe sua cara, mesmo depois que você deixa ele sozinho o dia inteiro.”



- Mary Ann, 4 anos 


sexta-feira, março 20, 2015

Aldoux Huxley


Tanta gente elegante, bonita e sincera.

Então me chamaram para uma manifestação ao lado de rapazes que trocaram os livros de história pelas academias de musculação. Meninas de óculos escuros fazem selfies para registrar a balada. Tias carolas gritam contra os vermelhos e com medo de pobre em aeroportos. Idosos  brandam palavrões desejando que uma mulher eleita à presidente seja estuprada. Nazi-fascistas e suas suásticas pedem ditadura em plena democracia. Gente vestida de militar com cartazes em inglês pedem intervenção. Mulheres de peitos de fora dizem que o governo é culpado pela falta de roupas. Pra terminar todos cantam o Hino Nacional e rezam o Pai Nosso. Abaixo a Lei da Gravidade!  (E depois quem é maluca é a Tia Olga...)

Namastê

tumblr_nky7jxg4Ui1rbva4oo1_500.jpg



Lewis Carroll


quinta-feira, março 19, 2015

Quem conta um conto


Por esses dias, e em outros também, os narradores que contam
contos a viva voz, escrevendo no ar, celebram seus festivais.
Os contadores de contos têm numerosas divindades que os
inspiram e amparam.
Entre elas, Rafuema, o avô que contou a história da origem do
povo uitoto, na região colombiana de Araracuara.
Rafuema contou que os uitotos nasceram das palavras que
contaram seu nascimento. E cada vez que ele contava isso, os
uitotos tornavam a nascer.


(Do livro "Os Filhos dos Dias" - Eduardo Galeano)

terça-feira, março 17, 2015

Eles souberam escutar


Carlos e Gudrun Lenkersdorf nasceram e viveram na
Alemanha. No ano de 1973, esses ilustres professores chegaram ao
México. E entraram no mundo maia, numa comunidade tojolabal, e
se apresentaram dizendo:
– Nós viemos para aprender.
Os indígenas ficaram em silêncio.
Depois de um tempinho, alguém explicou o silêncio:
– É a primeira vez que alguém diz isso para a gente.
E aprendendo Gudrun e Carlos ficaram por lá, durante anos e
anos.Da língua maia, aprenderam que não há hierarquia que separe
o sujeito do objeto, porque eu bebo a água que me bebe e sou visto
por tudo que vejo, e aprenderam a cumprimentar assim:
– Eu sou outro você.
– Você é outro eu.
(do livro Eduardo Galeano - Os Filhos dos Dias) 

sábado, março 14, 2015

Frases do Bar do Ferreirinha



Um cara veio bater na minha porta e pediu um donativo para a piscina municipal. Eu lhe dei um copo d’água.


Esta noite um ladrão entrou em minha casa procurando dinheiro. Levantei da cama e fui procurar com ele.


O único fim feliz que eu conheço é o fim-de-semana.


Da minha casa até o bar são 5 minutos, enquanto do bar até minha casa são 1h50 minutos.


Se o seu ex ou a sua ex lhe disser 'Você jamais encontrará alguém como eu', responda: 'Felizmente!'


O trabalho em equipe é essencial. Em caso de erro, ele permite acusar outra pessoa!


Antes eu sabia escrever direito e, um dia, adquiri um telefone celular e aí ....iskci td.


As estatísticas são como os biquínis: dão uma ideia mas escondem o essencial!


Eu disse à minha mulher que tinha vontade de matá-la, e ela me disse que eu precisava consultar um especialista. Contratei um matador profissional.


O ser humano é incrível: é a única criatura que corta uma árvore, faz papel com ela e escreve em cima dele: 'Salvem as árvores'.

Ecos de Nastassja Kinski in Tess (1979)









Nastassja Kinski in Tess (1979)

"Charles Bukowski

“Existem coisas piores que estar sozinho, mas geralmente leva décadas para entender isso e quase sempre quando você entende é tarde demais. E não há nada pior que tarde demais.”



- Charles Bukowski.  (via azulciano)


Sorrir pra vida...

tumblr_mxxznee8W01ribr53o6_500.jpg



tumblr_mxxznee8W01ribr53o4_500.jpg



tumblr_mxxznee8W01ribr53o1_400.jpg



tumblr_mxxznee8W01ribr53o3_500.jpg



tumblr_mxxznee8W01ribr53o7_500.jpg



tumblr_mxxznee8W01ribr53o2_500.jpg



tumblr_mxxznee8W01ribr53o8_500.jpg



tumblr_mxxznee8W01ribr53o10_500.jpg



tumblr_mxxznee8W01ribr53o5_500.jpg





Via micazuza